sábado, 11 de fevereiro de 2017

RECICLAGEM PERIGOSA


Tem coisa que parece que só acontece aqui pelo Guará, mas algumas chamam atenção pelo “no sense”, é o caso que acontece ali na QE – 38. Um gaiato montou uma verdadeira
usina de material reciclável que está deixando os moradores da região em polvorosa, pois aquela proximidade com os montes de lixo que podem atrair doenças diversas, principalmente agora que a febre amarela resolveu voltar com força total. O pessoal está de cabelo em pé apenas em imaginar que uma epidemia pode começar por aquelas bandas.
Dizem que já apelaram pra tudo quanto é órgão responsável e até agora nada foi feito para coibir mais essa agressão ao meio ambiente e aos moradores daquela área, a coisa está cada dia pior.
Nessa cidade acontece cada uma que só nós mesmos acreditamos, pois aqui moramos e muitas dessas já aconteceram ou estão acontecendo, sempre com os responsáveis fazendo a popular cara de paisagem.
O que os moradores temem é que a coisa se transforme em definitiva, ficando muito mais difícil a retirada da coisa por lá, como sempre acontece por essas paragens.

O pessoal está na bronca, e com razão, aquilo não pode mais continuar acontecendo sem que providências sejam tomadas para acabar e tranquilizar os moradores dos arredores.