segunda-feira, 6 de agosto de 2018

GOLPISTAS,GRAÇAS A DEUS

Eu não consigo entender muito bem como uma emissora de TV vem a público com um editorial ridículo, ditado através de um ponto eletrônico, revelar que apoiou o golpe militar dentro de um país democrático. Tem alguma coisa muito errada.



O povo não prestou bem atenção na gravidade que isso representa, limitando a discussão a performance de um imbecil que passou algum tempo fantasiado de soldado e se acha dono do mundo. Em momento algum questionam por que o tal soldadinho de chumbo não conseguiu uma carreira dentro da corporação que defendia, pois sempre mostrou sinais de megalomania.
Voltando ao assunto que considero mais grave que é a revelação que a tal emissora sempre esteve ao lado de mutretas nesse país e sempre contra o povo com pretexto de defender o estado democrático na sua visão e forma de ver os fatos.
Nunca ouvi falar que dentro de um Estado Democrático de Direito qualquer veículo de comunicação se colocasse ao lado de golpistas de qualquer matiz, alegando que está fazendo isso para defender o povo quando temos as instituições responsáveis por isso.
Sempre fui defensor de uma imprensa livre, apartidária, sempre ao lado do povo e da lei, pois como formadores de opinião, a responsabilidade é muito grande se considerarmos o tamanho continental do país e a diversidade do nosso povo que ainda, apesar de todos os avanços, engatinha como democracia.
O Editorial replicado daquela forma patética, mostra bem o respeito com que essa empresa de comunicação trata o povo que precisa abrir os olhos para não cair mais uma vez no conto de fadas, onde tudo é bom e nada presta.