sábado, 16 de julho de 2016

MARACACITY




A UE em polvorosa com a saída do Reino Unido do bloco, procurando desesperadamente por um substituto. Alguém de gozação sugeriu o Guará, foi prontamente aceito. Faltava apenas o convite.
Pelo menos na vontade estamos no primeiro mundo, apesar da cruel realidade nos perseguir de maneira impiedosa. Para isso nem precisamos ir muito longe daqui, basta dar uma olhada na reforma desse trambolho inútil que se chama Estádio. Não é a toa que ele sempre foi ficando largadão, apenas ocupando espaço com toda inutilidade que lhe é possível.
Eu e o Caixa Preta demos uma volta pela tal obra, simplesmente constatamos o óbvio. Nem daqui a duas olimpíadas essa reforma sai! Não é por falta de vontade dos empreiteiros, mas por ser propositalmente uma coisa fadada ao total fracasso...talvez por causa do valor astronômico que querem enterrar na tal reforma. Dinheiro que se melhor utilizado, daria muito mais frutos e benefícios para o Guará. Coisa que parece não fazer sentido para quem apoia essa falta de respeito com o contribuinte.
O Cave sempre esteve na mira da especulação imobiliária, disso não temos dúvida, pois a área muito bem localizada enche os olhos de gente gananciosa que vê naquele espaço, uma forma de ganhar dinheiro fácil.
O Guará não pede respeito, exige e merece!