segunda-feira, 11 de julho de 2016

NA CARA DE PAU




O Velho Caixa estava pra lá de indignado. Pense num cabra irritado! Falava ele que nas suas andanças pela cidade, o que mais o irritava era essa falta de calçadas aqui no Guará, muita gente ocupando irregularmente, sem se preocupar com nada... parece até brincadeira.
Aproveitei para dar um rolê com o Caixa Preta para constatar o que ele me falou. Fiquei abismado. Tem até supermercado, na cara de pau, ocupando a calçada e parte do estacionamento, o que está deixando o pessoal da QE-13 cada vez mais irritado, pois um trambolho foi colocado numa área pública. Uma quadra cuja carência de estacionamento é notória, já que a quadra não tinha previsão para receber aquele comércio, que passou a ocupar a calçada e, não satisfeito, também o estacionamento. Não se vê movimentação por parte dos órgãos fiscalizadores para coibir tal afronta aos moradores da região, que estão chiando pela demora de providências, que parece não fazer parte das obrigações dos responsáveis.
Para aumentar ainda mais a adrenalina, resolvi levá-lo até a QE-34 para que o Guerrilheiro do Cerrado visse a gracinha que estão aprontando por lá, sem que ninguém mova uma palha para coibir o abuso.
Uma casa de material de construção resolveu ocupar toda a calçada e, ainda privatizou o estacionamento. Talvez pensando até em fechar a rua para aumentar o seu espaço. Qualquer dia teremos que passar por um beco no meio da rua, pois o povo não faz nem parte do imaginário dessa “tchurma” folgada.
Vai continuar assim?