terça-feira, 11 de setembro de 2018

CANDIDATOS...ESTAMOS LASCADOS

O Caixa Preta não perdoa, principalmente quando o assunto é os candidatos a Deputado Distrital. Nessa época eles saem das tocas, acompanhados de um bando de desocupados (cabos eleitorais) atrás de uma boquinha que os proteja dos tempos bicudos que estamos passando, principalmente pela falta de capacidade da maioria de conseguir algo que não seja puxando o saco de políticos profissionais.



O lado social que realmente os preocupa é o deles mesmos, pois vivem correndo atrás de quem lhes arranje algo, nem que para isso se transformem em verdadeiros capachos, dá pena ver tanta vassalagem, mas é só o que sabem fazer.
O Velho Caixa dava umas boas risadas dizendo que tem muita coisa que não mais o surpreende, embora quando o assunto é política, muita coisa ainda o deixa embasbacado.
Agora com a temporada eleitoral em pleno andamento, o que não falta é motivo para dar umas boas risadas. Os postulantes a cargos eletivos são tantos e de uma variedade incrível, é abismadora com a quantidade de líderes de “araque” que aparecem se intitulando “O” candidato que a cidade tanto espera, como dizem por aí, se achando o cara. 
Por falta do que prometer, alguns estão prometendo até cerveja de qualidade na sombra, isso sem falar em geração de empregos(para os cabos eleitorais), mas é bom aprender a fazer outra coisa, pois desse mato não sairá coelho, o que vai sair é muita dívida pra pagar durante os próximos quatro anos, a quebradeira vem aí, aguardem.
Diz o Caixa que esse bando de cara de pau anda dizendo que até aquela chuva que andou caindo fora de época no Guará, foi provocada por eles.
Alguns se transformam em heróis, grandes defensores de causas diversas, principalmente do próprio rabo, além de um amontoado de mentiras que são cantadas em prosas e versos pelos amigos do safado, sempre na maior cara de pau, chegam até a ganhar contos da carochinha em alguns veículos de comunicação, numa demonstração de imbecilidade total.