terça-feira, 12 de junho de 2018

A BOLA VAI ROLAR

Dando uma olhada no que pode acontecer aqui em nosso país esse ano, confesso que quase gritei: Eu quero Mamãe! Tive que me benzer! 



Estamos à deriva com o povo calado tendo que engolir as estripulias desse bando de safados que, na cara de pau, se dizem representantes do povo.
Logo teremos a Copa do Mundo, que, apesar de não vermos muito entusiasmo nas ruas e locais onde costumamos frequentar, na hora que a bola começar a rolar, que se dane o mundo. Todo mundo grudado na frente da TV esquecendo todos os problemas que  enfrentamos e os que estão por vir, pra acabar de lascar.
Pra mim parece o preâmbulo do Armagedom (o fim deve estar muito próximo), pois com essa cambada que hoje está no poder, sem a miníma disposição de largar o osso aliada a nossa eterna falta de vontade e vergonha para enfrentar assuntos sérios nesse país continuará a reinar, para mais quatro anos a nos lamentarmos.
Terminada a famigerada Copa do Mundo passaremos a discutir um assunto muito importante para a nossa sobrevivência: por que o nosso time, recheado de mercenários (o que interessa são contratos a quais estão atrelados) foi eliminado, esquecendo totalmente que em seguida teremos a campanha eleitoral. Talvez com uma quantidade maior do que imaginamos de candidatos, muitos querendo livrar a pele, outros atrás de uma boquinha pra chamar de sua, mas todos sempre pensando primeiro neles.