terça-feira, 20 de março de 2018

PUXADINHOS SAFADOS

As coisas estranhas costumam acontecer nos finais de semana aqui no Guará, pois muita gente invés de descansar ou fazer algo útil, danam o pau a fazer puxadinhos(aqueles que jogam o povo para caminhar no meio da rua) muito popular por aqui. 



Quiosques crescem assustadoramente, muitos aproveitando a ocasião para fazer o segundo andar...uma farra muito boa.
Passam a semana toda aparentemente fechados, mas nos finais de semana a coisa engrena, a velocidade aumenta, as irregularidades ganham força e deslancham numa velocidade de impressionar, se for em área pública então, aí a coisa vai muito bem.
Fiscalização que é bom, nem tchongas, todo mundo fazendo uma bela cara de paisagem, então os espertos, certos da impunidade, deitam e rolam.
Me parece que toda e qualquer obra na cidade depende de autorização, então por que aparecem tantas liberações para essas coisas aqui no Guará? Por que tudo é na encolha?
Não vemos os responsáveis por tais fiscalizações aparecerem para botar ordem na bagaça, numa inércia de fazer inveja a estátua, agem como se nada irregular estivesse acontecendo, como se tudo fosse obra da nossa fértil imaginação.
Tenha dó!!